Blumenau - Bento Carlos Reis - 61 anos

Depressão superada com o esporte

Sou portador de glaucoma, com perda quase total da visão, e até o ano de 2016 eu sofria de depressão profunda, o que me fazia ficar em casa, sem vontade para quase nada. Foi quando minha filha resolveu me incentivar a escolher algum esporte para me exercitar. Comecei a praticar o Golbol, esporte paraolímpico feito para ser jogado por pessoas com qualquer tipo e grau de deficiência visual. Decidi me inscrever, então, na Associação Paradesporto Escolar de Blumenau (APESBLU), entidade patrocinada pela Unimed Blumenau. Logo iniciei nas modalidades de natação e atletismo também, chegando à prática da corrida.

Hoje, posso afirmar que consegui superar minha depressão com o esporte, principalmente a corrida, participando de diversas provas na cidade de Blumenau e região. Sou outra pessoa, tenho vontade de viver intensamente e além da natação e das corridas, faço poesias, participo do coral da Associação de Cegos do Vale do Itajaí (ACEVALI) e dou palestras. Ter força de vontade é tudo na vida.