Joinville - Luis Gustavo Sizenando - 22 anos

Incentivo para recomeçar

Aprendi desde cedo a ser forte diante dos problemas, ao ser diagnosticado com Osteossarcoma – câncer nos ossos, com apenas 13 anos. As circunstâncias que envolvem a doença poderiam ter limitado a minha prática de esporte, no entanto, nunca desisti e encontrei forças na corrida de rua para lutar ainda mais e vencer os desafios que debilitam minha saúde. Mesmo diante de muitos tratamentos e a retirada de uma parte do braço esquerdo, hoje, com 22 anos, já somo seis participações em corridas e não tenho receio de garantir que não há obstáculo que não possa ser superado.

Para comprovar que tudo vale a pena e que se pode ajudar a transformar o mundo à volta, no ano passado, na edição de Joinville do Circuito de Corridas Unimed, além de participar da competição, compartilhei minha história e fui homenageado pela Unimed Joinville. Foi um momento muito especial, que ficará guardado em minha memória.

É preciso acreditar em si mesmo e continuar a corrida. Por isso, sigo enfrentando os desafios, inclusive curso a faculdade de medicina, que iniciei com o objetivo de entender mais a doença e aprender a superá-la. A conquista de passar no vestibular, associada ao esporte, proporciona ainda mais confiança e determinação para vencer.